Como é uma consulta médica na Nova Zelândia e a importância do seguro viagem

Seguro viagem, tá aí uma coisa que a gente paga e espera não usar nunca. Mas às vezes não tem jeito…

Ha algumas semanas atrás eu comecei a sentir que uma velha conhecida estava de volta, a infecção urinária. Eu tinha tido isso algumas vezes no Brasil e já sabia que pra ela ir embora, só com antibiótico.

Me preparei psicologicamente pra gastar uma paulada entre médico, exames e remédios, mas como não tinha jeito, tomei coragem e liguei pra uma clínica aqui de Motueka (norte da Ilha Sul) pra agendar uma consulta.

Liguei lá pelas 09:00 da manhã e a secretária me disse que tinha horário pro mesmo dia, ainda de manhã. Perfeito. Ela perguntou se eu era residente na Nova Zelândia ou se eu tinha visto de trabalho por mais de dois anos, pois pra quem tem, a consulta custa só NZD 18,00. Como não era meu caso (tenho o Working Holiday Visa), o valor da consulta seria NZD 110,00! :O

(Normalmente a consulta médica varia de NZD 60,00 à NZD 100,00. Mas aqui é uma cidade pequena e com poucas opções, provavelmente por isso que é mais caro)

Mas a moça também me deu uma boa notícia! Se eu estivesse doente (o que era o caso) poderia pedir reembolso do valor pro meu seguro viagem, pois o seguro só não cobre consultas de rotina.

BINGO! Eu tenho seguro viagem! Como consegui esquecer disso?

Consulta médica na Nova Zelândia

Lá fui eu, bem faceira pra minha consulta. Cheguei, preenchi uma ficha e a secretária disse que o pagamento era no final, pois o médico que preencheria o valor de acordo com os procedimentos necessários.

Não esperei nem 5 minutos e o médico já me chamou. Super gente boa, me deixou mega confortável, fez umas peguntas, me deu um potinho pra fazer xixi e ele mesmo fez os exames com um kit tipo o de teste de gravidez de farmácia. Achei isso genial!

Nunca tinha feito exame no próprio consultório médico, no Brasil geralmente o procedimento era: consulta e solicitação de exames – laboratório – esperar os resultados – ir no médico de novo – farmácia pra comprar os remédios.

Pra eu ficar só um pouquinho mais admirada, ele ainda me deu todos os remédios que eu ia precisar!

E isso tudo estava incluso na consulta normal,  não precisei pagar nada além dos NZD110,00.

Em meia hora estava tudo resolvido e eu super realizada com o sistema de saúde privado aqui da NZ.

Mas… eu ainda ia precisar pedir o reembolso do valor pra Orbit, que é a minha seguradora.

Solicitando o reembolso do seguro viagem Orbit

Entrei no site pra ver como funcionava e vi que dava pra solicitar o reembolso online mesmo, sem precisar falar no telefone com um atendente.

Preenchi o formulário (em inglês), anexei uma foto do recibo da consulta e esperei por uns dois dias, quando eles me enviaram uma mensagem perguntando se eu ia precisar de mais exames ou remédios. Respondi que já estava tudo resolvido e eu provavelmente não precisaria de mais nada. E pronto!

Uma semana depois lá estava o dinheiro na minha conta.

E sabe qual a melhor parte? O meu seguro é o básico dos básicos e o mais barato que encontrei na época.

No meu caso foi o específico pra quem tem Working Holiday Visa e custou NZD 285,00 pra 12 meses (isso em setembro de 2016). A Orbit tem outras opções pra outros tipos de visto que também seguem a mesma faixa de preço.

Dá pra fazer a simulação e a compra online, por aqui.

Graças ao seguro saúde a minha história teve um final feliz :)

2 Respostas
  • FLAVIO LARA CAMARGO
    fevereiro 5, 2018

    Muito boa essa informação, não viajaremos sem , assim como pesquisar as opções mais abrangentes..obgdo

    • Rodrigo Vaz
      maio 25, 2018

      Isso ai! Seguro morreu de velho né? 😀

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *